Ouça agora na Rádio

foto-locutor

Buscando...

Buscando...

Destaques

Lateral

Santa Catarina

Compartilhe agora

SC divulga data para início da dose de reforço contra Covid-19 para todos os adultos

Postado em 17/11/2021 por

Feature image

*Fonte imagem : Prefeitura de Joinville – Divulgação – ND*


Santa Catarina começa a aplicar a dose de reforço da vacina contra a Covid-19 em adultos acima de 18 anos no próximo sábado (20). A informação foi confirmada pela Dive/SC (Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina) ao ND+ na tarde desta quarta-feira (17).

Não haverá calendário por idade para a aplicação do imunizante. O critério adotado de ordem de vacinação são pessoas que receberam a dose há mais de cinco meses e a preferência é de que seja feita com a Pfizer.

De acordo com o Ministério da Saúde, atualmente Santa Catarina tem 381.660 pessoas acima de 18 anos aptas a tomar a dose de reforço, considerando o intervalo proposto. A expectativa da pasta é que até maio de 2022, 3.904.590 pessoas estejam aptas no Estado.

Conforme a plataforma da SES (Secretaria de Estado da Saúde), Santa Catarina tem 4.658.420 pessoas que completaram o ciclo vacinal até a tarde desta quarta-feira.

Como irá funcionar?

Segundo a Dive, cada cidade deve organizar ações de vacinação próprias. Até a próxima sexta-feira (19), as prefeituras devem solicitar à Dive a reposição de imunizante em estoque para poder aplicar as vacinas no público alvo da campanha.

Vale ressaltar que, pessoas que tomaram o imunizante da Janssen, em dose única, não receberão a dose de reforço em um primeiro momento. A Dive aguarda uma posição do Ministério da Saúde e da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para que haja a liberação também para este público.

Dose de reforço para evitar nova onda

De acordo com o Ministério da Saúde, a intenção da aplicação da medida é evitar uma possível nova onda da Covid-19 no Brasil, como a que vem acontecendo na Europa nos últimos dias.

A liberação da nova dose, segundo a pasta, é baseada em pesquisas científicas que apontam uma queda na resposta do imunizante, principalmente a partir do quinto mês após o indivíduo completar o ciclo vacinal – duas doses ou dose única.

“Graças às informações advindas dos estudos científicos realizados para avaliar a aplicação da terceira dose – e dos quais já temos dados preliminares -, decidimos ampliar esta dose de reforço para todos aqueles acima de 18 anos de idade que tenham tomado a segunda dose há mais de cinco meses”, disse o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga.

Fonte: ND+

Deixe um comentário

Ao enviar um comentário você concorda com nossas politicias de comentários, saiba no link ao lado. política de comentários